Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

(d)Eficiente Dona de Casa

Quando se tem uma doença degenerativa não é o fim do mundo. Aprendemos a adaptar o nosso mundo para funcionarmos. Venho dar dicas úteis para quem tem as mesmas dificuldades. Esta sou eu e o meu dia-a-dia.

(d)Eficiente Dona de Casa

Quando se tem uma doença degenerativa não é o fim do mundo. Aprendemos a adaptar o nosso mundo para funcionarmos. Venho dar dicas úteis para quem tem as mesmas dificuldades. Esta sou eu e o meu dia-a-dia.

A eterna corrida...

30.01.19

correr_sempre-730x489.jpg

 

Tenho andado um bocado desmotivada, esta é a verdade. Desmotivada ou será conformada? Nem sei, já. A imagem de correr continuamente e sem esperança de chegar a lado nenhum persegue-me. Referi num post antigo que fazia exercício, anos e anos a fio que faço pelo menos três vezes por semana, depois comecei  fazer diariamente e agora faço .... zero. Sim, deixei de fazer exercício e é mau? Provavelmente é, ou provavelmente não é nada de mais.

 

A razão de tanto exercício era porque tinha de ser, não podia parar porque ficaria pior, porque a doença agravava, ficaria muito pior e as dores seriam mais e piores. Pois é, mas passar a vida a correr sem alcançar a meta cansa, trabalhar para um objectivo que não é real cansa e chateia.

 

Vejo que cada vez as coisas se vão desagradando, a doença vai evoluindo, sempre. Nada do que faça ou não faça a vai parar ou atrasar seja o que for. A ideia  tão temida que tinha antigamente de ter de andar com a cadeira de rodas fora de casa, já não me parece tão má, porque a alternativa começa a ser muito dolorosa. E fazer o quê? Nada a fazer, vamos um dia de cada vez e passar o meu tempo a fazer aquilo que gosto, não com uma corrida desesperada por algo inatingível..

 

Talvez daqui a um tempo volte ao exercício, ou talvez não. Mas por agora vou fazer uma pausa...

 

 

Link da imagem

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.